Como foi que desapareci de mim mesmo?

“Se alguém me achar, me devolva.”

Do poeta Fabrício Carpinejar